22/365 O DESTINO DE UMA NAÇÃO

https://open.spotify.com/album/0ikAm8jHnZeIFLK0Nk3NJe?si=nl3ak594Tz2hxQuZjQPaCA (Dê o play na trilha para ler o post, fica mais bacana) Desde o ano passado que assisti Churchill e adorei o Brian Cox fazendo o papel do Primeiro Ministro inglês, fiquei na pilha para ver a versão do Gary Oldman. E olha, que show que esse cara dá. É até feio falar, mas... Continue Reading →

Anúncios

21/365 GOD’S OWN COUNTRY

Dizer que God's Own Country é o Brokeback Mountain inglês é reduzir um grande filme a uma referência óbvia e rápida. God's Own Country, que eu traduziria como "Mundão de Deus", uma coisa bem caipira mesmo, é um filme bem caipira inglês que se passa basicamente em um sítio onde Johnny, seu pai quase inválido... Continue Reading →

20/365 THE LIGHT OF THE MOON

The Light Of The Moon é um filme corajoso e complicado, como deve ser um filme que trata de estupro nos dias de hoje. Bonnie é um arquiteta de uns 20 e tantos anos, começando a galgar rumos mais interessantes em sua carreira. Ela mora com seu namorado, Matt, um cara que trabalha muito, sem... Continue Reading →

19/365 A CIAMBRA

Eu amo um filme que me faz sentir como se eu tivesse levado um soco no estômago, ou um tapa de mão aberta no rosto. A Ciambra é um desses e, olha, que porrada. A Ciambra é o candidato italiano a Oscar de Filme de Língua Estrangeira, um dos que não ficaram na lista final... Continue Reading →

15/365 FREAK SHOW

Sabe aquele filme que tinha tudo pra dar certo e erra na mosca? Freak Show não é esse filme. Não, pera, Freak Show é o erro na mosca do ano. E à medida que você vai assistindo você percebe que não tinha como dar certo de começo. Que ideia meia boca, que roteiro péssimo, que... Continue Reading →

14/365 THE STRANGE ONES

E já temos a maior oportunidade de filmaço perdida do ano. The Strange Ones parecia ser bem estranho, no melhor sentido. Começa muito bem com dois "irmãos" viajando de carro por estradas e mais estradas cada vez mais para o interior sem sabermos para onde, já que o que eles falam é bem superficial. A... Continue Reading →

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑