223/365 PLANETA DOS MACACOS: A GUERRA

Sendo curto e grosso: Planeta dos Macacos: A Guerra é uma mistura de Apocalipse Now com Spartacus.

E é um belo de um filme.

011-cb257c1082360043af14949494372595-640-0

Sou fã de carteirinha dos filmes todos que se passam no Planta dos Macacos.

Quando moleque eu ficava sempre torcendo para reprisar na tv, principalmente o filme com o Charlton Heston, claro que por causa da cena que ele encontra a estátua da liberdade destruída na praia.

O tempo foi passando, os filmes foram ficando um absurdo por causa do CGI até que chegamos nessa última trilogia com o melhor de todos, Andy Serkis, no papel do macaco mais fodão de todos, Cesar.

Na terceira parte da trilogia, a guerra é quando o bando de Cesar se defronta dramaticamente com o exército liderado pelo coronel doidão (lembra do Apocalipse Now?) vivido brilhantemente por um Woody Harrelson no topo de seu jogo.

Os soldados não só destroem tudo como aprisionam todo o bando, quando Cesar está longe, para que eles construam um muro gigante para conter um novo inimigo que está por vir.

Cesar é então capturado e tratado como o chefão dos escravos (lembra de Spartacus?) na frente de todo o bando para servir de lição.

O filme é bom, bem dirigido, com um roteiro sem falhas e com umas sacadas tão boas e apesar disso tudo, demorou um pouco para me pegar.

Só uma coisa me incomodou no filme: nas cenas de guerra e batalha, ao mostrar o exército humano, a trilha é grandiosa, glorificante. Já ao mostrar o exército símio no momento crucial de uma talvez batalha no filme, a música é quase divertida, quase cartunesca, como se fosse um número de circo muito bem ensaiado.

Esses filmes mais recentes sempre demoram para me emocionar, acho que pela perfeição a que se chegaram os macacos.

Primeiro eu dou uma risadinha pensando, que ridículo.

Depois eu já fico incomodado na cadeira achando, que foda.

Daí, quando o elenco principal começa a mostrar a que veio, 100or, já me derreto, me entrego e torço por eles.

E digo uma coisa: tá mais que na hora de uma indicação ao Oscar para o Serkis. Olha esse vídeo que animal dele virando Cesar “ao vivo”.

Acho que na verdade meu medo é um dia acordar e ler que aconteceu alguma coisa parecido no mundo real.

E que os macacos agora são os fodões.

Daí com certeza eu vou de novo, como sempre, torcer por eles.

Hail Cesar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: