Vem ni mim “Ab Fab”.

Hoje talvez seja o dia mais importante do ano, darling.

Saiu o trailer completo do longa baseado no melhor seriado de todos os tempos: “Absolutely Fabulous”.

abfab2.jpg

Jennifer Saunders, a genial (mesmo) atriz e roteirista inglesa, criadora do AbFab volta com tudo com sua parceira Joanna Lumley.

Pats e Eddie, sem querer, doidonas como sempre, meio que matam a Kate Moss!

E pra fugir da polícia elas se mudam pra Riviera Francesa, onde todos os criminosos do mundo moram.

Acho que elas nunca ouviram falar de Brasília, mas deixa pra lá.

O trailer é ótimo e olha a lista de participações especiais do filme: Jon Hamm, Rebel Wilson, Cara Delivingne, Kim Kardashian West, Joan Collins, Dawn French, Jerry Hall, Emma Bunton, a já veterana do seriado Lulu, Dame Edna Everage, Kate Moss, Chris Colfer, Jean Paul Gaultier, Gwendoline Christie, La Roux e o meu preferido Graham Norton.

#pastelãofashion

A salvação: o site pra achar qualquer filme que você procure.

Hoje em dia na internet a gente encontra tudo, pelo que dizem.

Só que eu passei muitos e muitos anos procurando um filme e não achava de jeito nenhum.

Não me lembrava de quase nada, não lembrava elenco, só que a história se passava num castelo e tinha um cara que ia trabalhar lá e seduzia todo mundo.

Juro, revirava o IMDB, tentava toda e qualquer busca por palavra no google e nada.

Até que outro dia eu achei um site criado em uma universidade finlandesa que diz encontrar qualquer filme que a você esteja procurando numa ferramenta de busca bizarra de boa: Whatsmymovie?

Eles dizem que é só você escrever o que lembra a respeito do filme e eles acham.

Fui lá e na primeira tentativa escrevi “gay, castle, 1970’s”  e apareceu o meu graal: “Something for Everyone”, filme de 1970 com a Angela Lansbury e o Michael York.

Eu quase chorei.

Vale muito a pena salvar o link e usar sempre.

Facinho e eficaz.

O trailer do lindão novo do Woody Allen.

“Café Society” é o novo do Woody Allen que estreia em Cannes mês que vem.

O filme tem tudo que a gente tanto gosta num Allen: puta elenco, trilha linda, um ator fazendo o Woody em si, atrizes lindas e fodonas e roteiro absurdo.

Só Woody Allen pra me fazer ver o Jesse Eisenberg, que faz um cara que vai pra Hollywood nos anos 1930’s porque seu tio, Steve Carell, trabalha com cinema. Ele é meio neurótico, claro, e se interessa pelas personagens de Kirsten Stewart e Blake Lively e conclui no trailer: “a vida é uma comédia escrita por um roteirista sádico”.

Olha o trailer que demais:

Vídeo do ano: Johnny Depp se desculpando ao governo da Austrália.

Nunca pensei que fosse ver uma coisa dessa enquanto vivesse: o master bad boy Johnny Depp e sua esposa Amber Heard fizeram um vídeo constrangedor dizendo que eles erraram ao entrar com animais escondidos na Austrália.

jdepp.gif

Meses atrás eles foram pegos quando tentaram entrar no país sem declarar que levavam seus cachorros de estimação no que ficou conhecido com o a “guerra dos terriers”.

O ministro da agricultura da Austrália ameaçou sacrificar os animais dizendo que o país era livre de doenças de animais e outras pragas comuns no resto do mundo e por isso tinham leis bem rígidas nesse campo.

Devem ter levado uma multa absurda e pra completar, algum juiz bem humorado ainda conseguiu que eles fizessem esse vídeo bizarro: quietinho, vestidinho de gente, barbeado, uma fofura.

E ainda com um discurso ótimo sobre segurança, regras, obedecer as leis, isso tudo porque eles falsificaram os formulários de entrada no país quando Amber disse que não levava animais em seu avião particular.

Finos e folgados.

Os 40 anos de “Taxi Driver” em grande estilo.

Um dos melhores filmes de todos os tempos, referência pra todo mundo que faz e consome arte, “Taxi Driver” completa 40 anos esse ano.

tdgiphy.gif

 

E o filme vai receber uma homenagem sem precedente no Tribeca Festival em NY: seu diretor Martin Scorcese, seu roteirista Paul Schrader e mais Robert DeNiro, Jodie Foster e Cybill Shepherd vão participar de uma mesa redonda para discutirem o filme.

Pensa bem: De Niro usou moicano nesse filme antes do punk; Jodie Foster tinha 13 anos e fazia uma prostituta. Quando um filme desses vai ser feito de novo? Nunca!

Agora, se você nunca assistiu “Taxi Driver”, pare o que está fazendo e veja agora.

Depois me diz se sua vida não muda!

td_tumblr_o28kvbx96h1qej1i6o1_500.gif

 

“Preacher” estreia esse ano e parece boa demais.

Valeu Seth Rogen por colocar a minha preferida “Preacher” na tv.

Baseado nos quadrinhos criados do Garth Ennis, conta a história de um padre de uma cidadezinha do interior do Texas que ganha uns poderes especiais e com a ajuda de uns amigos incluindo um vampiro irlandês, sai à procura de Deus que decidiu abandonar o céu.

E o melhor: o padre é o Dominic Cooper.

Foda.

Superman não precisa nem dos óculos.

É, parece que ninguém reconhece o Superman mesmo.

Dear Doubter, The glasses are good enough. Regards, Superman #WhoWillWin #Superman

A video posted by Henry Cavill (@henrycavill) on

Henry Cavill, o superman do filme que estreia logo logo, esteve pelas ruas de NY, bem embaixo de posters gigantes do filme e ninguém foi falar com o cara.

O mais legal é que ele estava com uma camiseta do próprio.

E a gente tinha dúvidas de que os óculos nunca fossem suficientes pra ele se esconder.

 

O X-Men do Tim Burton.

A mais recente produção de Tim Burton, “Miss Peregrine’s Home For Peculiar Children,” é o seu X-Men.

Depois do Batman (meu preferido), o novo filme do mestre conta a história de uma escola para crianças renegadas pela sociedade por terem poderes estranhos.

X-Men versão infantil bizarra.

Queremos!

Massive Attack, Zulawski e Isabelle Adjani.

 

Referências e mais referências.

Semana passada, numa homenagem ao mestre polonês Zulawski, eu postei esse vídeo animal da Isabelle Adjani possuída, num vestido azul, num túnel de metrô, na sequência mais foda do clássico  vampiresco “Possessão”.
Hoje o Massive Attack lança o maravilhoso clipe pra música “Voodoo In My Blood” (opa) com a Rosamund Pike também possuída num também vestido azul num também túnel de uma estação de metrô.
Nem acho coincidência não.
Aliás, isso é que é clipe!
Quando os artistas vão perceber que não precisam aparecer o tempo inteiro nos vídeos?